sexta-feira, 1 de julho de 2011

Máscaras Teatrais

A máscara é em si a sua dramaturgia,
Não precisa de texto nem contexto pra existir,
Existe porque foi criada
E se foi criada,
é porque mereceu existir! (Tiche Viana)



A máscara é um objeto vinculado ao universo simbólico através da escultura de uma forma que representa um conteúdo específico. Nas sociedades chamadas primitivas, a máscara representava divindades, e como tal, não poderia ter a forma humana. Ao observarmos estas máscaras, é comum verificarmos que o imaginário daquele homem, atribuía a imagem de suas divindades a animais, provavelmente porque sua vida cotidiana o inseria na natureza de modo a fazer desta relação algo, para ele, muito natural.

Abaixo, fotos da oficina de Máscaras -2011(materiais: atadura engessada,vaselina, kraft, cola, papel machê, acrílica)